terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Paráfrases " Às vezes, à noite"

Os alunos Ítalo, Jonatas, Mayra e Pablo da turma TA 01 finalmente enviaram suas produções sobre a Paráfrase do texto de Sérgio Caparelli. Destaco o texto de Ítalo quanto à menção a sua profissão como Zootecnista. Vale a pena comentar esses poemas:

Às vezes, de noite

Às vezes, de noite
Fico meio atormentado
Com devaneios descontrolados
às vezes, de noite.

Às vezes, de noite
Desnorteado nos pensamentos
Deixo me levar pelos ventos
às vezes, de noite.

Às vezes, de noite
Fito os olhos em recordações
Trazidas por meio de canções
às vezes, de noite.

Às vezes, de noite
Desligo-me de tudo
Enfim, tudo escuro
às vezes, de noite

Jonatas Aryel de Araújo Silva
Turma: TA 01



Às vezes, sempre, Zootecnista

Às vezes, de manhã
a vaca a ordenhar
e depois a pastejar
Às vezes, de manhã

Às vezes, de manhã
A ração formular
os ingredientes juntar e o rebanho alimentar
às vezes, de manhã

Às vezes, de manhã
vejo um vida nascer
corro pra ajudar, no curral já está o filhote que nasceu
às vezes, de manhã

Toda vez, de manhã
um prazer em levantar
minha profissão executar, a população alimentar
às vezes de manhã


Italo Ramon Cavalcantes de Carvalho
Tecnólogo em Agroecologia – TA 01



Às vezes de noite

Às vezes, de noite,
A presença da lua
Faz-me refletir
Às vezes, de noite
.
Às vezes, de noite,
Adormeço com a esperança
Que algo novo estar por vir
Ás vezes, de noite.

Às vezes, de noite,
Tento e não consigo dormir
O escuro me amedronta
Ás vezes, de noite.

Às vezes, de noite,
Sinto-me feliz por estar viva
Consigo sorrir
Ás vezes, de noite.




Mayra Magda Moraes silva
Ta 01




Às vezes, de noite


Às vezes, de noite,
Lembro do meu dia
E durmo com agonia
Às vezes, de noite.

 Às vezes, de noite,
Perco a consciência,
Sentindo a minha própria ausência.
Às vezes, de noite.

 Às vezes, de noite,
Tenho delírios
E eles trazem a desilusão de um sonho perdido.
Às vezes, de noite.

 Às vezes, de noite,
Tenho Sonhos,
Lembro-me que eles são somente sonhos.
Às vezes, de noite.

Pablo Henrique M. Costa
Turma: TA 01
IF-SERTÃO

16 comentários:

Paula Dourado disse...

Muito bom os poemas,E AS VEZES É BOM COMENTAR...rsrsrs

Profª. Antonise Coelho disse...

Os alunos devem comentar ainda esta semana para que possamos concluir as atividades do blog deste ano. Um abraço,
Professora Antonise

Profª. Antonise Coelho disse...

Os alunos devem comentar ainda esta semana para que possamos concluir as atividades do blog deste ano. Um abraço,
Professora Antonise

Marcinho disse...

Belos textos , italo não larga essa zootecnia ein , pablo foi simples mais objetivo hehe

filipe eugenio disse...

Poemas bem distintos , mas ambos apresentam a mesma qualidade , cada um em sua modalidade

Barbara disse...

Os textos de "as vezes" revela muitos pensamentos contínuos, reflexíveis e de um certo modo de sentimento pessoal.

Bárbara Roscelis
TH:11
HORTICULTURA

Paloma disse...

As paráfrases do poema "Ás vezes a noite" mostram o que os alunos sentem, e acabam fazendo surgir poemas muito interessantes como este de Italo. E foi uma bela e prazerosa maneira de nós alunos expressa-nos.

PALOMA TAYRES
HORTICULTURA
TH11

Pablo disse...

bons poemas, mas o de Italo mostrou a paixão que ele sente por sua profissão.

Aline Duarte disse...

Mayra, as vezes de noite vc fica feliz por estar viva... nao nao!!! Só as vezes.. Tem que estar sempre feliz, por estamos vivos no meio de uma multidao onde há tanta pervesidade... Mas to brincando viu nega, amei o seu poema, alias, todos os poemas! Beijos =)

Pedro disse...

É bem interessante a criatividade das pessoas. Falam de assuntos diferentes e conseguem dar o mesmo grau de importância. Bons textos, bastante chamativos.

Paula Dourado disse...

A zootecnia está no sangue do Ítalo,nunca vi alguém tao apaixonado feito ele... Parabéns pelo seu texto.

analuciaTa01 disse...

É sempre bom refletirmos cada momento da nossa vida, seja em casa, trabalho, lazer, decepção, momentos bons. A avaliação de cada situação vivida vai validar o que realmente é importante para nós.

Bruno disse...

A noite desperta em nós muito sentimentos bons..
pra mim é o melhor momento do dia..
a noite desperta os nossos maiores desejos..
rsrs..

jonatas disse...

gostei dos textos, em especial o de Italo, pois nele ele expressa sua vida voltada em torno da zootecnia!
Muito bom mesmo!

ianderson disse...

Muito interessante diversos poemas e cada um expressa um sentimento de determinada pessoa.

walter disse...

essa turma ai é toda poeta, so não entendir pq não conseguir enviar o meu, kkkkkkk