sexta-feira, 8 de junho de 2012

Textos Resenhados


RESENHA DO FILME XINGU

 O filme conta a história de três irmãos que decidem viver uma grande aventura. Orlando vivido por Felipe Camargo, 27 anos, Cláudio vivido por João Miguel, 25, e Leonardo vivido por Caio Blat, 23 são os irmãos Villas-Boas. Eles se alistam na expedição Roncador-Xingu, numa missão pelo Brasil Central.
 Apesar de se passar em terras distantes e de os protagonistas estarem sob risco constante, o foco está mais no drama do que na ação. Por outro lado, uma cena de acidente aéreo com os irmãos é muito bem filmada, o que mostra que o diretor busca mais a tensão e a dramaticidade.
Esse tratamento sutil, contudo, não tira a grandeza épica da história. Há muitas  cenas maravilhosas, a começar pela abertura, onde Cláudio e Leonardo se fazem passar por sertanejos analfabetos para serem admitidos na expedição Roncador-Xingu. A primeira vez que os irmãos entram numa aldeia é tratado de maneira mágica, como se eles estivessem descoberto uma civilização perdida; mágica também é a cena em que os índios voam pela primeira vez num avião do governo.
O foco dramático, contudo, é a pressão que existe sobre os irmãos. Por um lado, sucessivos governos nacionais exigem deles avanços impossíveis e que criam conflitos com os índios (da Era Vargas e sua Marcha para o Oeste até a Ditadura e a construção da Transamazônica); por outro, eles vivem o conflito de saber que aquelas culturas que eles encontram a partir daquele momento jamais serão as mesmas e eles mesmos, ainda que queiram protegê-las, são os responsáveis pelos seus males.
Este dilema fica claro na sequência da epidemia de gripe que mata quase toda a tribo que os recepciona, ou na descoberta de uma aldeia massacrada por brancos -- os sobreviventes acusam os próprios irmãos pela tragédia.
O filme mostra a verdade, que os irmãos Villas-Boas foram os verdadeiros heróis brasileiros. Todas as observações dos irmãos são registradas num diário batizado de “Marcha para o Oeste”, que serviu de base para a produção do longa.

Observações: Senti a ausência das referências. Partes que você retirou de outros textos e não disse de onde.Professora Antonise.
AUTORIA: THAÍS MAZCUK - VE 07

5 comentários:

Fernanda Nogueira disse...

A saga desses irmãos foi muito importante,para a construção do parque nacional do Xingu ,pois foi através se suas lutas que foi possível a sua construção,valeram a pena todos os seus esforços.Sendo uma grande conquista e preservação para os índios brasileiros.

Talita Oliveira-TH12 disse...

o filme nos retrata uma historia baseadaos em um fato real, no qual os irmaos vilas-boas foram ate a aldeia de indios e ajudaram na construcao do parque nacional do xingu, o filme tem cenas maravilhosas porém peca em algumas cenas por nao ter legenda mas no contexto geral e um bom filme para ser apreciado...

yago disse...

A historia dos irmãos Vilas-Boas os primeiros a terem contato contatos com os indígenas, e também lutaram juntos por seus direitos, e conseguiram a construção do parque nacional do Xingu. Foi uma grande vitoria essa areá de preservação para os índios brasileiros

Yago Giovanni - VE07

Iria Daiane disse...

O filme Xingu foi um dos melhores filmes brasileiros lançados ultimamente, pois ele conta a historia indigena no Brasil, fala da coragem dos irmãos Vilas Boas em largarem tudo e irem em uma aventura no meio da floresta, para encontrar os indigenas e morarem com eles. Ainda relata bem o surgimento do Parque Nacional dos Indigenas. Enfim, um filme muito bom de assistir e muito recomendado.

Unknown disse...

Esse filme realmente é muito atrativo, além de trazer partes de nossa história que pouco é contada em relação aos indios.