Experiências de Leituras em Sala de Aula - Contos Africanos e Machadianos

Os alunos e alunas das turmas 3219 de Zootecnia e a 2227 de Agroindústria receberam o convite desafiador de leituras dos contos africanos e de contos machadianos. A atividade consistiu primeiro em distribuir os livros da Biblioteca do IF - Campus Agrícola ( a nossa bibliotecária Rosângela teve um grande empenho em solicitar os livros e cadastrá-los para que as turmas pudessem ter o prazer da leitura em tempo hábil).  Em pequenos grupos, os alunos puderam mergulhar em cada história e juntos irradiarem a capacidade imaginativa para transformar o DESFECHO DAS HISTÓRIAS LIDAS.

1.CONTOS  AFRICANOS TRABALHADOS NESTA PRIMEIRA ETAPA:

 1.1 O ENTERRO DA BICICLETA,  de Nelson Saúte 
 1.2 O DIA EM QUE EXPLODIU MABATA-BATA de Mia Couto.
    
                 2. CONTOS MACHADIANOS:

2.1 NOITE DE ALMIRANTE
2 2 A CARTOMANTE
Em pequenos grupos, as turmas se misturaram e com o tempero da criatividade, revestiram os contos trabalhados.













Durante as aulas iniciais com os contos africanos, o desafio era mudar
o foco narrativo e, consequentemente, o final das histórias.

Explanação da Professora Antonise sobre a estrutura dos contos e
as características das obras Machadianas.
OUTRO DESFECHO PARA O CONTO NOITE DE ALMIRANTE
Machado de Assis

O conto relata a história de Deolindo (Venta Grande) um marinheiro que sonhava ter uma noite de almirante com sua amada Genoveva, mas ele precisava fazer uma viagem com a frota da marinha e durante dez meses viajaram rodando mundo afora, só que ambos fizeram um juramento de um esperar pelo outro para então ter a tão desejada noite de almirante.
 Deolindo volta para os braços da sua amada, chegando lá descobre que ela já estava casada com outro e que não sentia mais aquele amor ardente de antes, porém ele não a tinha esquecido,  trazendo-lhe vários presentes.
Após dizer a Genoveva que iria se matar, se despede dela e vai embora, indo pelo caminho decepcionado com a mulher amada e com vergonha de mentir para os seus amigos. Deolindo decidiu suicidar-se.  No dia seguinte, os colegas aflitos para saberem sobre a ótima noite de seu amigo, ficaram tristes ao saberem que ele tinha se matado. Genoveva que disse a sua amiga que Deolindo dizia as coisas mas não as cumpria, ao saber da morte dele ficou louca pelo peso de sua culpa.

Equipe:  Benedito, Edjane, Jailton, Juan
Turma: 2227

2º texto: 

O amor de Teodora transforma a noite de Deolindo em uma Noite de Almirante

            Ao chegar de sua viagem, Deolindo muito ansioso encontra-se com Genoveva. Quando a encontra, descobre que outro ocupara seu lugar. Eles passaram o dia na casa de Genoveva conversando sobre tudo que acontecera. Deolindo sai da casa de Genoveva triste e angustiado, quando já estava na calçada, ele se depara com Teodora uma grande amiga de Genoveva, que sabia de toda história e possuía certo interesse por ele desde que era menina. Deolindo a cumprimenta friamente e vai embora. Teodora, muito curiosa, pergunta à amiga por que Deolindo encontrava-se com uma aparência triste e angustiada, e ela, com um sorriso irônico diz que ele se mataria por não possuir o amor dela.
 Assustada Teodora vai atrás de Deolindo e o encontra na beira do mar em prantos. Ela aproxima-se e senta ao seu lado, e começam a conversar sobre o que havia ocorrido. Durante a conversa ela deixa escapar que desde menina possuía um interesse por ele, ao ouvir aquilo, ele percebeu que era amado por alguém. Eles passaram toda a noite juntos.

      No dia seguinte, Deolindo encontra seus amigos curiosos querendo saber o que acontecera naquela noite entre ele e Genoveva, sorrindo e responde que teve uma noite de almirante. E realmente teve, pois momentos que duram por apenas uma noite, ficam marcados e são inesquecíveis.

Grupo: Brisa, Cleidiane, Gleisa, Jéssica e Marilene.

8 comentários:

Unknown disse...

TRABALHO DE AGOSTINHA MARIA E GILVANI TORRES
TURMA 3219
Uma Noite de Almirante
A história acontece em Gamboa onde morava Genoveva e seu namorado Diolindo(venta grande) e a velha Inácia que vivia na mesma casa que Genoveva.Certo dia Diolindo teve que partir em uma viagem a pedido da marinha, diante da situação resolveram fazer um juramento de fidelidade, em que ambos iam esperar um pelo outro.
Dias depois quando Diolindo chegou de viagem foi avisado que Genoveva estava com outro rapaz chamado José Diego, e que foram morar na Prainha Formosa. Seguiu para lá, e quando chegou encontrou Genoveva sozinha sentou-se e começou a conversar com ela, percebeu que José Diego não estava e começou a relembrar tudo que eles tinham vivido. Emocionada Genoveva declara que nunca deixou de ama-lo, mas por achar que nunca voltaria, resolveu procurar uma nova paixão. Ele percebendo sua fragilidade aproveitou da situação e aproximou-se dela lhe dizendo palavras lindas, tirou do bolso um presente e lhe deu, Genoveva não resistiu a sua antiga paixão e rendeu-se nos braços dela, assim Deolindo tendo uma grande noite de Almirante.

( Modificação do conto,Uma Noite de Almirante )
(Machado de Assis)

Unknown disse...

TRABALHO DE AGOSTINHA MARIA E GILVANI TORRES
TURMA 3219
Uma Noite de Almirante
A história acontece em Gamboa onde morava Genoveva e seu namorado Diolindo(venta grande) e a velha Inácia que vivia na mesma casa que Genoveva.Certo dia Diolindo teve que partir em uma viagem a pedido da marinha, diante da situação resolveram fazer um juramento de fidelidade, em que ambos iam esperar um pelo outro.
Dias depois quando Diolindo chegou de viagem foi avisado que Genoveva estava com outro rapaz chamado José Diego, e que foram morar na Prainha Formosa. Seguiu para lá, e quando chegou encontrou Genoveva sozinha sentou-se e começou a conversar com ela, percebeu que José Diego não estava e começou a relembrar tudo que eles tinham vivido. Emocionada Genoveva declara que nunca deixou de ama-lo, mas por achar que nunca voltaria, resolveu procurar uma nova paixão. Ele percebendo sua fragilidade aproveitou da situação e aproximou-se dela lhe dizendo palavras lindas, tirou do bolso um presente e lhe deu, Genoveva não resistiu a sua antiga paixão e rendeu-se nos braços dela, assim Deolindo tendo uma grande noite de Almirante.

( Modificação do conto,Uma Noite de Almirante )
(Machado de Assis)

Unknown disse...

TRABALHO DE AGOSTINHA MARIA E GILVANI TORRES
TURMA 3219
Uma Noite de Almirante
A história acontece em Gamboa onde morava Genoveva e seu namorado Diolindo(venta grande) e a velha Inácia que vivia na mesma casa que Genoveva.Certo dia Diolindo teve que partir em uma viagem a pedido da marinha, diante da situação resolveram fazer um juramento de fidelidade, em que ambos iam esperar um pelo outro.
Dias depois quando Diolindo chegou de viagem foi avisado que Genoveva estava com outro rapaz chamado José Diego, e que foram morar na Prainha Formosa. Seguiu para lá, e quando chegou encontrou Genoveva sozinha sentou-se e começou a conversar com ela, percebeu que José Diego não estava e começou a relembrar tudo que eles tinham vivido. Emocionada Genoveva declara que nunca deixou de ama-lo, mas por achar que nunca voltaria, resolveu procurar uma nova paixão. Ele percebendo sua fragilidade aproveitou da situação e aproximou-se dela lhe dizendo palavras lindas, tirou do bolso um presente e lhe deu, Genoveva não resistiu a sua antiga paixão e rendeu-se nos braços dela, assim Deolindo tendo uma grande noite de Almirante.

( Modificação do conto,Uma Noite de Almirante )
(Machado de Assis)

Unknown disse...

ohhhh, agora quero uma noite de almirante.... rsrsrs

Cleidiane disse...

Suas aulas foram além da sala de aula, houve interação entre muitas pessoas.
Parabéns pelo método de ensino.

Unknown disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Unknown disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Unknown disse...

A história Uma Noite de Almirante foi contada dentro da sala de aula resumida, é muito interessante e divertida de se ouvir, pelo fato de ter sida contada de forma resumida, despertou em mim o interesse de ler toda história.